Alguns clientes tem tido dúvidas quanto ao protocolo vacinal e quando castrar seu gatinho. Já fiz uma postagem sobre vacinação e aqui tem um esquema de protocolo vacinal pra que possam entender direitinho, porém tem alguns fatores que interferem nele.

Os gatos devem ser vacinados estando sadios,

se houver qualquer alteração no exame físico ou anamnese, deve-se investigar a possibilidade de doença. Animais doentes não respondem corretamente e não criam imunidade vacinal de forma ideal, além disso antibióticos e outras medicações podem interferir na resposta imune vacinal.

Muitas vezes o protocolo tem que ser repetido para que a imunização se estabeleça.

A castração deve ser feita após algum tempo do protocolo vacinal ter-se completado.
Porque?

O gato pode se expor a agentes virais saindo de casa pra a clínica, onde será realizado o procedimento cirúrgico, e poderá adoecer. A imunização só será garantida em grande parte dos casos após o protocolo estar completo a pelo menos duas semanas.

Antes disso seu gatinho não deve ser exposto desnecessariamente.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *